Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Fevereiro, 2012

Tibiezas…

Tenho andado aqui com dificuldades em fechar uma porta.
O problema, quer-me parecer, não reside nem na fechadura, nem na chave.
Penso que a questão reside mais no que ficará para o de lá e para o de cá da dita porta…
Se calhar deve ser sempre assim, o problema das pessoas, quando têm de fechar portas…
Não senti necessidade até aqui de a fechar. Mas agora, a coisa instalou-se e a dificuldade persiste.
Às vezes gostava de ser mais resolvida…

Anúncios

Read Full Post »

Pronto:

Mudei a foto do cabeçalho!

Read Full Post »

Sustinhos

O meu iPhone esteve dado como desaparecido durante 10 horas…

Ainda estou a recuperar do trauma.

Read Full Post »

Gostando muito de música e por consequência gostar muito do meu iPod, como já o disse aqui, nunca fui muito de andar por aí de phones nos ouvidos.

Na altura, quando comprei o gadget, fí-lo para o poder ligar ao auto-radio do carro e não ter que andar carregada de CD’s.

Daí que nunca entendi muito bem (problema meu, claro) qual era a cena de andar por essa Lisboa fora (ou por outro sítio qualquer) de auriculares nos ouvidos.

No entanto, e desde que ando com mais frequência de transportes públicos percebi muito bem a coisa. De facto, tendo em conta o que se ouve por aí, o melhor é mesmo andar com a nossa música nos ouvidos.

E pronto: é isso. Agora também ando de phones nos ouvidos! 🙂

Read Full Post »

Hoje no meu feed do facebook parace Abril

Faz hoje 25 anos que o Zeca nos deixou. Fisicamente.

O seu espírito e o seu legado estará, no entanto, sempre comigo. Sempre connosco.

Impressiona como passado tanto tempo a sua obra continua a inspirar e a significar para tant@os.

Não tenho um tema preferido. Gosto de todos. Há, no entanto, alguns que me conquistaram mais: pelo que significaram em diferentes momentos, meus e das minhas circunstâncias.

Redondo Vocábulo seria sem dúvida a minha escolha para hoje.

Mas, tendo em conta o momento que atravessamos e honrando a memória de quem fez da canção uma arma, deixo esta:

Read Full Post »

Chamo-lhe apenas “Estrela da Tarde”

Read Full Post »

Baú das recordações…

Hoje, quando escarafunchava pelo meio de coisas de outros tempos à procura de um texto que gostava de por aqui, fui dar com isto:

Era uma tarde quente de outono. Num tempo em que todos os passos pareciam definitivos e para sempre, despedimo-nos com a promessa de um dia unir-mos as metades de cada uma…

(Será que ela ainda guarda a dela?)

Read Full Post »

Older Posts »